Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Pseudo-Enfermeira

20 anos. Estudante de enfermagem com os nervos em franja.

Pseudo-Enfermeira

Enfermagem.

with love, nurse, em 10.01.16

Nunca pensei que esta minha jornada enquanto estudante de enfermagem fosse ser fácil, mas também nunca pensei que fosse ser tão difícil.

Há momentos que custa, custa muito quando percebo que não consigo demonstrar aquilo que sei, custa muito quando os resultados não fazem jus ao quanto me esforcei, custa muito quando pondero, nem que seja por um segundo, em desistir.

Não gosto de ter dúvidas, não gosto de por vezes sentir que posso estar a desperdiçar anos da minha vida, não gosto de sentir que não sou boa o suficiente, e quando estes momentos assolapam-me eu simplesmente baixo os braços e deixo-me cair nesta onda de tristeza, medo, dúvida e insegurança, deixo-me cair e pergunto-me uma e outra vez se este é o meu caminho e estou a fazê-lo de forma certa.

Não sei o que fazer, não sei o que sentir. Como é que posso cuidar de outras pessoas se às vezes nem consigo cuidar de mim?

Ser pseudo-enfermeira na universidade.

with love, nurse, em 05.10.15

É passar pelo pátio da universidade enquanto decorre a praxe e uns trajados de arte e multimédia gritarem do lado oposto "Oh enfermeira!" em plenos pulmões.

É estar numa festa académica, lotada de pessoas e ouvir os rapazes de design a gritarem por cima da música barulhenta "As enfermeiras chegaram!" e fazerem a festa toda ao nosso lado.

É estar a sair das instalações universitárias e uns trajados que não sei quem são nem de que curso são, dizerem ''Olha as enfermeirinhas, bem me parecia que estava a cheirar a amarelo ao longe!".

É estar rodeada de pessoas que não são do meu curso, e por norma, os rapazes dizerem com todo o ar da sua graça "Senhora enfermeira, tenho aqui uma dor, pode ver o que é?".

Na universidade, e não só, as pessoas que estão em enfermagem são vistos como aqueles wannabe-médicos, mas, no entanto, quando medicina, ou outro curso qualquer, anda por aí, ninguém diz nada. Por algum motivo *cof cof* enfermagem está sempre no seu auge.

1º ano - Concluído.

with love, nurse, em 03.07.15

Passei no recurso de Pedagogia, com 15. Tenho o 1º ano da licenciatura feito e é tão, mas tão estranho. É ainda mais estranho pensar que podia estar a acabar o 2º ano e já estava a ir para o 3º, mas enfim.

Só faltam mais 3 anos, 6 semestres. Se passarem tão rápido como este ano, amanhã acordo e já tenho o canudo na mão.

Estou feliz.

Vida difícil.

with love, nurse, em 08.04.15

Tenho uma síntese para fazer de um livro ranhoso sobre o Bolonha, uau! Que bom! Que maravilha! Que satisfação!

Estou a tentar começar a fazer isto desde as 15h e ainda não passei do título e ponderar se devo ou não copiar uma síntese toda de um colega do ano anterior, mesmo correndo o risco de ser acusada de plágio.

Eu podia estar a fazer tantas coisas mais interessantes do que fingir que sou uma universitária trabalhadora... Na verdade só queria ver um episódio de uma série mas isso não interessa nada!

hey stranger

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D